Opinião Pública e Futebol

Foi se o tempo em que as empresas se preocupavam apenas com o fluxo de caixa no fim do mês. Hoje em dia, organizações sérias colocam no escopo dos objetivos as estratégias e métodos que buscam positividade perante a Opinião Pública.

Isso vale para organizações de todos os segmentos. Os clubes de futebol podem ser bons exemplos na tomada de estratégias visando uma imagem positiva. Essas instituições possuem mais facilidade em adquirir popularidade com seu público (torcedores), assim como para os que não torcem pelo clube ou até mesmo para quem não acompanha o universo futebolístico.

O desenvolvimento em metodologias e na aplicação da pesquisa exige um investimento acessível aos clubes de futebol, em especial aos que estão com a situação financeira estável. Na verdade, a opinião pública e o futebol é uma junção que sempre existiu e com o auxílio de boas estratégias fica possível o aperfeiçoamento dessa relação. Com isso, ações comerciais e/ou sociais tomadas pelos clubes podem ser facilmente analisadas e mensuradas em Eye Tracker, Grupo Focal e até mesmo nas mídias online que oferecem uma aproximação mais forte com o torcedor e simpatizantes do clube.

No processo de análise, é preciso lembrar que se faz necessário um diagnóstico eficiente e confiável para constatar o fracasso ou sucesso da ação tomada pelo clube. Uma análise bem feita aponta características positivas e negativas, servindo como parâmetro na tomada de futuras ações que o clube de futebol planeja executar. Para finalizar, a Opinião Pública é uma forte aliada no universo futebolístico que na qual os clubes sempre devem manter uma relação de cumplicidade. Afinal de contas, a venda de camisas oficiais não pode ser mais considerada a única forma de proximidade com torcedores e simpatizantes.

Gabriel Barbosa – Jornalista do Ernest Manheim Laboratório de Opinião Pública.

Crédito da imagem: Roger Pires / Ferroviário AC

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*